terça-feira, 30 de novembro de 2010

Polícia Rodoviária Federal prende seis suspeitos na Rodovia BR-101 Norte


Três eram foragidos da Justiça. Ação foi realizada na estrada que liga o Rio ao ES para coibir fuga de supostos traficantes para a Região Metropolitana e Norte Fluminense.

Seis pessoas foram presas durante operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizada na BR-101 Norte, que liga o Rio ao Espírito Santo, para coibir a fuga de possíveis criminosos cariocas, que estariam seguindo para a Região Metropolitana e Norte Fluminense.

A ação denominada “Operação Battella” contou com mais de 20 agentes, utilizando motos, equipamentos e viaturas especiais, inclusive descaracterizadas, durante toda a segunda-feira. Do total de detidos, três eram foragidos da Justiça. Entre outras apreensões, os policiais apreenderam 520 comprimidos do medicamento Siladenfil (usado para disfunção erétil), sem nota fiscal, encontrados com um motociclista.

Um dos suspeitos foi levado para a 71ª DP (Itaboraí) e os outros foram encaminhados para na 119ª DP (Rio Bonito).

A PRF também apreendeu uma tonelada de filé de peixe e meia tonelada de camarão sem a devida nota fiscal que comprovasse a procedência e propriedade do material. A mercadoria seguia transportada no caminhão placa KVE9232-RJ, abordado no km 253 da rodovia. O caso foi registrado na delegacia de Rio Bonito.

Fonte: O Fluminense

até breve

Polícia apreende caminhão da Comlurb com armas no RJ


A Polícia Civil do Rio de Janeiro apreendeu no início da manhã de hoje um caminhão da Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb) com armas e drogas, nas imediações do Complexo do Alemão, na zona norte da cidade. Desconfiados, os agentes abordaram o motorista do veículo. O homem disse ter sido obrigado por traficantes a retirar o material ilegal que estava na comunidade.

Foram apreendidos um fuzil 7.62 mm, munições para fuzil, carregadores para pistola calibre 380, dois radiotransmissores, um tablete de maconha e pequena quantidade de cocaína.

Ontem, seis pessoas foram presas na Rodovia BR-101 norte, no Rio, durante policiamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para coibir a fuga de possíveis marginais do Estado. A operação Battela contou com mais de 20 agentes utilizando motos, equipamentos e viaturas especiais, inclusive descaracterizadas, para realização de ações de inteligência, com o objetivo de fazer um pente fino nos veículos que saíam do Rio de Janeiro em direção ao norte fluminense.

Fonte: Estadão

até breve

DESPISTE AS ALERGIAS!


Agora elas dão as caras com força extra: Outono na área, menos chuva e mais frio no ar. Detone esse ataque driblando quatro situações que expõem muito a sua saúde…

Corrida matutina ou noturna
O RISCO: o ar gelado é um alérgeno, pode inflamar o aparelho respiratório e desencadear crises de asma e bronquite. A poluição, mais concentrada nesta época, intensifica isso.
O DRIBLE: corra na esteira. Você faz seu esporte sem respirar ar gelado.

Ducha fervente
O RISCO: “A água quente demais elimina a camada de gordura que protege a pele. Isso pode causar ressecamento, manchas vermelhas e coceiras. Essa alergia é a dermatite atópica”, explica Luís Felipe Chiaverini Ensina, diretor da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia.
O DRIBLE: banhos curtos e mornos. O ideal é cinco minutos a cerca de 37 graus, temperatura próxima à de seu corpo.

Guarda-roupa em mudança
O RISCO: peças, cobertores guardados por longo tempo acumulam pó, a casa dosácaros. Ao respirar esses microrganismos, seu corpo pode disparar espirros, coceira
em olhos e nariz, que pode inflamar. É rinite.
O DRIBLE: lave antes de usar. Outra boa é substituir de vez o cobertor pelo edredom, que retém menos poeira. Uma vez por semana, deixe o armário aberto para arejar.

Arrumação geral
O RISCO: vai jogar fora coisas velhas da casa? Se já tem uma alergia respiratória, pode ganhar ainda uma rinoconjuntivite.
“Mais ácaros vão ao ar, você coça nariz, olhos, espalha secreção, eles incham e ficam pingando”, diz Maria Teresinha Soares Rocha Malheiros, alergista do Hospital Edmundo Vasconcelos, em São Paulo.
O DRIBLE: jamais coce nariz e olhos, peça que sua faxineira pegue mais pesado na limpeza nesta época e use álcool gel para limpar objetos pessoais e mãos.

Dê uns beijos… na alergia!
Gaste uns minutos beijando para ajudar a aliviar sua rinite. Beijar pode reduzir suas reações alérgicas e ajudar a combater infecções.Durante recente estudo japonês, pesquisadores mediram os níveis de imunoglobulina E (IgE), nticorpo que pode desencadear uma reação alérgica. Eles checaram pessoas com alergias a pólen, ácaros e látex antes e depois de os participantes terem beijado alguém por 30 minutos. No final da sessão amasso, os níveis de IgE dos participantes haviam caído em 40%. Os estudiosos acreditam que beijar reduz a resposta alérgica porque aumenta a produção de citoquinas Th1, células de sangue brancas que provocam um impulso na produção de IgE. Para tirar maior proveito do boca-a-boca, coloque uma música suave; as pessoas que participaram foram embaladas durante o estudo, que anteriormente provou que esse clima aumenta a função imunológica.

DICA EXTRA: nem toda forma de carinho terá efeito positivo contra as alergias. Casais que se abraçaram não experimentaram nenhum aumento imunológico como os que se beijaram.

Fumaça de cigarro agrava alergia

Além das assustadoras (mas comprovadamente reais) conseqüências cancerígenas e do odor que se instala por longo tempo nas roupas e na pele, respirar fumaça de cigarro piora muito a vida de quem tem alergia. A crise chega a durar quatro dias depois do contato com fumantes. Pesquisadores da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA), nos Estados Unidos, revelaram que, quando as pessoas que apresentam o problema ficam expostas durante algumas horas à fumaça de cigarro, elas reagem com índices de alergia até 17 vezes maiores que outros participantes que eram poupados do contato com as baforadas de nicotina. “Inalar a fumaça de cigarro causa alteração no sistema imunológico, resultando num aumento dos anticorpos que despertam as reações alérgicas”, explica David Diaz-Sanchez, médico responsável pelo estudo.

Resultado positivo no combate à alergia

Cerca de 30% da população mundial sofre de algum tipo de alergia que pode estar com os dias contados. Um novo medicamento capaz de agir numa etapa anterior àquela em que atuam as drogas convencionais – os chamados anti-histamínicos – está sendo desenvolvido por esquisadores da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf), no Rio de Janeiro. O remédio parte de proteínas extraídas de sementes de mamona (Ricinus communis) para atuar na fase inicial de processos alergênicos. Testes realizados em mastócitos de ratos (células associadas ao tecido conjuntivo) deixaram bem animada a equipe coordenada pela bioquímica Olga Lima Tavares Machado, do Laboratório de Química e Função de Proteínas e Peptídeos da Uenf. O próximo passo é testar o medicamento em basófilos humanos – células existentes no sangue que estão ligadas ao processo alérgico. A solução desenvolvida para tratar a alergia provocada por mamona pode, em princípio, ser usada para impedir outros alergênicos como camarão, soja, amendoim, peixe e milho.

Fonte: Revista Men's Health

até breve

Fumo passivo é responsável por 1% de todas as mortes no mundo


O tabagismo passivo causa mais de 600.000 mortes ao ano no mundo, entre as quais 165.000 crianças, segundo estimativas publicadas nesta sexta-feira pela revista britânica The Lancet.

As crianças são as primeiras vítimas do tabagismo passivo, pois não podem evitar a principal fonte de exposição, quando seus pais fumam em casa, destacam os autores do estudo.

Se somadas estas 600.000 mortes aos 5,1 milhões de falecimentos atribuídos a cada ano ao tabagismo ativo, chega-se a um total de 5,7 milhões de vítimas fatais do tabagismo anualmente.

Trata-se do primeiro estudo que avalia o impacto global do tabagismo passivo. Seus autores, pertencentes ao Instituto Karolinska de Estocolmo e à Organização Mundial da Saúde (OMS) utilizaram dados de 2004, os mais recentes disponíveis no conjunto de 192 países analisados.

No total, 40% de crianças, 33% de homens e 35% de mulheres não fumantes estavam expostos ao tabagismo passivo em 2004.

Segundo estimativas do estudo, esta exposição provocou 379.000 mortes coronarianas, 165.000 por infecções das vias respiratórias, 36.900 devido à asma e 21.400 a câncer de pulmão. Assim, no total foram constatados 603.000 óbitos por fumo passivo.

Das 165 mil crianças menores de 5 anos que morrem de infecções respiratórias causadas pelo fumo passivo, dois terços estão na África e no sul da Ásia.

Apenas 7,4% da população mundial vivem hoje sob legislação "não fumante". Os autores do estudo recomendam "um reforço imediato" da Convenção Marco da OMS para a luta contra o tabaco, que inclui taxas mais elevadas para o tabagismo, pacotes de cigarros neutros (sem marca) e com mensagens sanitárias.

"É inadmissível que o 1,2 bilhão de fumantes no mundo exponham milhões de não fumantes ao fumo passivo (...)", criticam em editorial Heather Wipfli e Jonathan Samet (University of Southern California, Los Angeles).

Fonte: Veja

E olha que sou fumante!

até breve

Metrópoles perdem participação no total da população brasileira


O crescimento populacional brasileiro na última década esteve mais ancorado nas cidades médias do que nas grandes metrópoles.

A conclusão foi apresentada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com base nos dados do Censo 2010, que mostra que os municípios com mais de 2 milhões de habitantes respondiam por 14,5% do total da população, contra 14,7% dez anos antes.

Já os municípios com população entre 100 mil e 2 milhões de habitantes viram sua fatia subir de 36,1% em 2000 para 40,3% do total dos habitantes do país.

"Hoje, o que a gente observa é que áreas que mais absorvem população no Brasil não são mais as grandes cidades, as grandes metrópoles, mas na verdade as cidades de porte médio, ou até grandes, mas não metropolitanas", apontou o presidente do IBGE, Eduardo Pereira Nunes. "Hoje o Brasil tem como característica marcante observada neste censo a importância demográfica, social e também econômica das cidades de porte médio", acrescentou.

Nunes citou como exemplo Palmas, que teve uma elevação de 5,07% ao ano na população nos últimos dez anos, entre as capitais. Mas o presidente do instituto lembrou que o avanço das cidades médias se dá também no cinturão do agronegócio, em municípios como Sinop, Sorriso e Lucas do Rio Verde, todos no Centro-Oeste.

Outro exemplo citado foi o de Rio das Ostras, que se beneficiou do boom do setor de petróleo no Norte do Estado do Rio de Janeiro e viu a população subir de 36.419 pessoas em 2000 para 105.757 habitantes este ano.

O presidente do IBGE citou ainda outro fenômeno populacional no Brasil, o da interiorização da população. "Quando a gente começa a analisar as cidades brasileiras que mais crescem, a gente observa que elas estão justamente nas áreas que são novos polos econômicos do país, principalmente na região Centro-Oeste", disse Nunes.

Segundo ele, os municípios menores, com menos de 100 mil habitantes, continuam sendo as que mais perdem participação no total de habitantes do país. Em 2000, essas cidades representavam 48,9% da população do país, fatia que caiu para 45,3% do total.

"Essas são áreas repulsoras de população. É dali que nascem fluxos migratórios em direção a outras áreas", explicou.

Fonte: O Globo

até breve

Telefonia móvel: o marketing na linha do tempo



Por Marcos Morita
(mestre em Administração de Empresas e professor da Universidade Mackenzie)

Conforme dados da ANATEL – Agência Nacional de Telecomunicações, há hoje, mais celulares que habitantes no país; índice denominado como densidade. Considerando a taxa média de crescimento e o período de Natal, é provável que ultrapassemos a marca de duzentos milhões de aparelhos ainda este ano. Um olhar desavisado poderia dizer que se trata de um mercado saturado, entretanto, há ainda muitas oportunidades para se aproveitar.

Hoje mais de oitenta por cento das linhas pertencem à modalidade pré-paga, cujo foco está predominantemente no preço e nas promoções das operadoras. Engatinhamos ainda quando falamos de acesso a internet ou e-mail via celular. Estes aparelhos, conhecidos como smartphones, estão ainda majoritariamente nas mãos de executivos e profissionais liberais. O mesmo topo da pirâmide que utilizava os velhos tijolos nos idos dos anos noventa.

Naquela época, os aparelhos móveis portáteis, se é que poderiam ser chamados desta maneira, eram grandes, pesados e desengonçados. A autonomia era medida em minutos ou algumas poucas horas em modo de espera. Utilizavam as antiquadas baterias de níquel cádmio; hoje vilã dos ambientalistas.

A tecnologia analógica trazia consigo muitos ruídos e poucas opções. Secretárias eletrônicas, alarmes, relógios e outros mimos eram luxos não suportados por esta plataforma. O poder estava nas mãos das operadoras, únicas e monopolistas, oriundas do sistema Telebrás. Onipresentes, controlavam a demanda através das cartas de habilitação, distribuídas em doses homeopáticas. Ainda lembro meu grau de excitação quando a encontrei repousando na caixa do correio. Em seguida, senhas, filas e horas para habilitar o tão precioso bem.

Havia poucas marcas e opções de escolha para o consumidor. A americana Motorola dominava o mercado com seus modelos robustos e invariavelmente pretos. Passada a euforia inicial era hora de exibir o novo brinquedo e tentar utilizá-lo. Os mais velhos certamente se lembrarão da necessidade de procurar o melhor canto da casa ou do quintal para fazer a chamada.

A privatização trouxe novos competidores, acirrando um pouco mais a concorrência. Agora não era mais obrigatório receber a carta de habilitação, porém para adquiri-lo era ainda necessário paciência e dinheiro no bolso. Em sua esteira surgiram as novas tecnologias digitais, também denominadas como CDMA e TDMA, esta última dominante no mercado brasileiro. Como vantagens aos consumidores: melhor qualidade de sinal, novas funções, duração da bateria, e tamanho.

A finlandesa Nokia foi um dos grandes destaques desta fase, com seus aparelhos práticos, acessíveis e portáteis, os quais podiam enfim ser carregados na bolsa ou no bolso. Tê-lo já não era algo inacessível nem tampouco novidade, pelo menos nas classes de maior poder aquisitivo. Vê-los em coletivos era algo ainda pouco corriqueiro.

Outro grande marco ocorreu com a entrada da tecnologia GSM, mais comumente associado aos celulares que necessitam de chips para operar. Apesar dos grandes players já estabelecidos, soube aproveitar das fraquezas de seus competidores, cujos aparelhos eram clonados com freqüência. Tinha como fortalezas a extensa base instalada mundial – quantidade de celulares habilitados – uma vez que era o modelo dominante nos continentes europeus e asiáticos.

Como consequência direta do maior volume produzido, mais fabricantes, produtos disponíveis e queda de preços. Com um forte apelo mercadológico, utilizando jogadores e artistas de renome, a italiana TIM conseguiu partir de uma pequena base para uma posição relevante no mercado. As marcas asiáticas LG e Samsung entraram jogando pesado, através da estratégia de foco em preços. Quanto ao quesito tecnológico, os microprocessadores caíram no gosto do público, tornando-se padrão de mercado.

Não demorou, para que o mercado de telefonia celular se tornasse cada vez mais disputado. As operadoras com políticas agressivas ofereciam descontos, planos e promoções para angariar novos e antigos clientes da concorrência, utilizando os aparelhos como chamariz em lojas próprias, ilhas em corredores de shoppings ou quiosques em lojas de departamento.

Estas estratégias a montante e a jusante, aumentaram ainda mais a concentração de poder das mesmas, as quais tinham agora todos os elos da cadeia. Os fabricantes com maiores custos de produção foram os que mais sofreram a consequência deste modelo, cujas margens estavam cada dia mais apertadas. A marca americana Motorola é o exemplo mais famoso.

Bem, chega de passado e voltemos ao presente. Os celulares de hoje tem GPS, tiram fotos, fazem download em MP3, trocam mensagens SMS, enviam e recebem e-mail, conectam-se a TV digital e as redes sociais. Sua inteligência está agora em seu interior, através dos sistemas operacionais – Palm OS, Symbian, Windows Mobile, Android – trazendo a guerra do hardware para o software. Neste novo cenário ganharam terreno empresas como Apple, Blackberry e Google, as quais apostaram fortemente no desenvolvimento de plataformas colaborativas, nas quais desenvolvedores pudessem desenvolver e comercializar seus aplicativos.

Creio que poucos se arrisquem a predizer o futuro da comunicação móvel, tomando-se como base as mudanças ocorridas em menos de duas décadas. Compare o último lançamento da empresa de Steve Jobs com os modelos analógicos do século passado. Pouco ou nada em comum, felizmente. Sinto calafrios só de pensar como serão os modelos utilizados por meus filhos e netos. Certamente muito diferentes dos atuais, seja na forma, conteúdo, manuseio ou aplicações.

Fonte: Jornal de Barretos

até breve

Circuito União do Surf Norte Fluminense no Farol


A quarta etapa do Circuito União do Surf Norte Fluminense 2010 aconteceu nos últimos dias 6 e 7 de novembro no Pier na praia do Farol de São Tomé, Campos dos Goytacazes (RJ).

O evento reuniu surfistas de Búzios, Macaé, Cabo Frio, São João da Barra, Quissamã e Campos dos Goytacazes.

Na categoria Mirim quem se deu bem foi Pedro Henrique, que não deu chance aos adversários e conquistou o primeiro lugar.

Na categoria Júnior quem levou foi o local de Grussaí, Marcelo Ribeiro "Gugu". Na categoria Open, Pedro Henrique teve uma performance irretocável.

Na categoria Sênior, Fontenele Roberto conseguiu a vitória nos momentos finais.

Resultados da quarta etapa do Circuito União do Surf Norte Fluminense 2010

Mirim
1 Pedro Henrique
2 Mateus Faria
3 Bruno Baldiner
4 Erian Alves

Júnior
1 Marcelo Ribeiro
2 Artur Souza
3 Bruno Baldiner
4 Mateus Faria

Open
1 Pedro Henrique
2 Fred Nunes
3 Cristiano Silva
4 Deivison

Sênior
1 Fontenele Roberto
2 Cristiano Silva
3 Fred Nunes
4 Deivison

Fonte: Waves

até breve

Chuva deixa dois municípios em estado de alerta

Em Cardoso Moreira teve morador indo trabalhar de barco.

Pelo menos dois municípios no noroeste fluminense já estão em estado de alerta por causa do elevado nível do rio Muriaé. Em Cardoso Moreira, no limite com Campos dos Goytacazes, moradores tiveram que ir de barco para o trabalho.

Em Italva, 1.500 casas podem ser atingidas se o rio subir mais. Diariamente, equipes da defesa civil vistoriam o nível do rio, para se for necessário remover esses moradores.

Em Cardoso Moreira, na localidade de Santa Bárbara o dique, que está obstruído desde 2008, ficou alagado.

Em 2009, Italva sofreu por 25 dias com enchentes, afetando 505 casas.

As autoridades de defesa civil da região estão preocupadas porque segundo a previsão do tempo, nos próximos dias deve chover forte na região. E a expectativa é que o volume de água seja o maior dos últimos dez anos.

Veja a previsão do tempo

As enchentes são frequentes no norte e noroeste do estado. Ano passado, dos 18 municípios da região, 16 decretaram estado de emergência. Em 2007, foram 14, e em 2005, dez.

Fonte: R7

até breve

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Brasil terá teste que detecta sífilis em 15 minutos


Principal objetivo é reduzir a infecção de crianças durante a gestação.

O Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos da Fiocruz (Bio-Manguinhos) produzirá um teste para detectar sífilis em 15 minutos, com uma eficácia de mais de 90%. O objetivo principal é diminuir os casos de sífilis congênita, que ocorre durante a gestação, um problema que ainda atinge cerca de 12 mil crianças todos os anos, segundo estimativa do Ministério da Saúde.

Estudos realizados em 2004 apontam que, das gestantes no país, 1,6% possuíam sífilis. Estima-se que, dessas mulheres, 0,4% sejam portadoras do HIV. Cerca de 40% das crianças infectadas com sífilis morrem ainda no útero ou de forma prematura. Nas demais, a sífilis congênita pode se manifestar com alterações que vão de anemias a deformidades ósseas e dificuldades cognitivas.

Antonio Gomes Pinto, gerente do Programa de Reativos para Diagnóstico de Bio-Manguinhos, explica que os testes disponíveis no mercado - como VDRL, RPR, FTA-ABS ou o Elisa - dependem, em boa medida, da qualidade dos técnicos e dos laboratórios responsáveis pelo exame.

– Os resultados podem variar se não forem obedecidos os mínimos detalhes da técnica de execução. Muitas vezes, os resultados não são confiáveis.

O novo exame de Bio-Manguinhos será oferecido na forma de um kit prático que não requererá treinamento complexo para ser usado, diz o gerente.

– Com certeza, nosso teste terá um grande impacto na luta contra a sífilis no país.

Ele prevê a utilização rotineira do exame no pré-natal de gestantes atendidas pela rede pública.

Fonte: R7

até breve

População brasileira sobe 12% e alcança 190,7 milhões, diz IBGE


A população brasileira cresceu 20,9 milhões de pessoas entre 2000 e 2010, ou 12,3 por cento, segundo o Censo 2010 do IBGE. A pesquisa apontou que o país tem 190.732.694 de pessoas.

A região Sudeste é a mais populosa com 80,3 milhões de pessoas, ante 70,4 milhões em 2000, representando um crescimento de 10,9 por cento ao longo de 10 anos, mas sua participação em relação ao total caiu de 42,8 para 42,1 por cento.

As participações das regiões Norte e Centro-Oeste aumentaram de 7,6 para 8,3 e de 6,9 para 7,4 por cento respectivamente.

São Paulo tem a maior população do país entre os Estados, com 41,2 milhões de pessoas e Roraima a menor, com 451.227 pessoas.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o Censo visitou 67,3 milhões de domicílios brasileiros.

Fonte: G1

até breve

Homens e máquinas a todo vapor


As cidades do Norte Fluminense estão recebendo investimentos em obras de pavimentação, saneamento, drenagem, esgoto... Em Cachoeiras de Macacu, por exemplo, a prefeitura investe R$ 150 milhões nessas intervenções. Entre os bairros beneficiados está Castália, que foi seriamente afetado pelas chuvas de dezembro do ano passado.

- No dia 31 de dezembro, de manhã, estávamos aqui, de galocha. O Rio Castália transbordou, e as ruas se acabaram. Agora, o bairro está todo recapeado, e criamos toda uma infraestrutura para preparar a região para as chuvas de verão - diz o secretário de Obras e Urbanismo, Luiz Fernando Muzzi de Miranda, lembrando que o mesmo bairro também vai ganhar uma área de lazer com direito a parquinho, o primeiro campo de grama sintética da região e um vestiário para os jogadores de futebol.

Em Campos, sete localidades já foram beneficiadas graças ao projeto Bairro Legal, que está aplicando R$ 103 milhões em obras de pavimentação, construção de rede de galerias pluviais, redes de esgoto e construção de calçadas. Entre os locais que passam por uma reforma total estão Donana, na baixada campista, Parque Eldorado, Jardim Ceasa, Vila Eldorado e Jardim Eldorado, em Guarus. Outro bairro beneficiado é o Ururaí, castigado pelas chuvas do fim do ano passado.

Em Macaé, a prefeitura dá prosseguimento ao programa de macrodrenagem Água Limpa, avaliado em R$ 277 milhões. Além da coleta de 100% do esgoto residencial para estações de tratamento, o projeto, prevê o fim dos alagamentos nas áreas mais críticas.

Fonte: Bairros.com

até breve

Campos terá câmeras para monitorar ruas



O coordenador de Segurança Pública de Campos, no Norte Fluminense, coronel Pascoutto, anunciou para o início de 2011 a entrada em operação de um sistema de monitoramento composto por mais de 300 câmeras de última geração, com giro de 360 graus e capacidade cobrir um raio de 200 metros. O novo sistema, que pertence à prefeitura, substituirá um equipamento terceirizado. Segundo Pascoutto, todas as saídas e entradas da cidade terão câmeras funcionando 24 horas por dia, inclusive com visão noturna:

- Poderemos ver em tempo real os veículos que entram e saem da cidade. O sistema faz a leitura das placas para saber se um veículo é roubado.

O coronel acrescentou que o sistema será centralizado no que chamou de Gabinete de Gestão Integrada com os órgãos de segurança - PM, Polícia Civil, Polícia Federal, de Bombeiros e Guarda Municipal -, permitindo ações de acordo com cada quadro apresentado:

- O número de câmeras irá aumentar paulatinamente. Os investimentos estão migrando para cá, assim como a criminalidade.

Fonte: O Globo

até breve

"Casseta & Planeta" ( já não era sem tempo)


A partir de 2011, as terças-feiras da Globo nunca mais serão as mesmas. Após 18 anos no ar, o “Casseta & Planeta” deixará a grade da emissora em dezembro. A decisão foi tomada pelo grupo e os humoristas entrarão de férias após a gravação do último episódio que deve ir ao ar no próximo dia 21.

Há mais ou menos dois anos, a trupe que revolucionou a forma de fazer humor na TV brasileira, não consegue se reiventar e tem sido muito criticada pela imprensa e pelo público. Prova disso é a fuga de telespectadores, que cansados das piadas sem graça e das repetidas situações, deixaram de assistir ao humorístico nas últimas temporadas.

Desgastado, a ideia do grupo de encerrar um ciclo foi aceita pela emissora. Um novo projeto será desenvolvido para que Hubert, Hélio de la Peña, Beto Silva, Maria Paula, Reinaldo, Claudio Manuel e Marcelo Madureira voltem ao ar já no segundo semestre do ano que vem.

"Aos nossos fãs, digo que estamos aí. Não acabamos. Aos não fãs também digo que não acabamos", declarou Claudio Manoel, em entrevista ao jornal "O Globo".

O grupo descartou qualquer tipo de problema interno. "A gente tomou essa decisão há alguns meses, mas se reuniu novamente com a Globo para formalizar a situação na sexta-feira (26)", contou Hélio de La Peña. "Para iniciar um novo ciclo, o outro tem que acabar. Estamos muito felizes com a decisão tomada", afirmou Marcelo Madureira.

Para homenagear a trupe e os fãs, o Famosidades separou 10 momentos que marcaram essas quase duas décadas em que os “Cassetas” ensinaram a uma geração que não se deve levar tudo tão a sério, faz bem debochar de si e que rir ainda é o melhor remédio.

Fonte: MSN

até breve

Rio lidera número de furtos de peças históricas


Enquanto a morosidade da liberação de verbas do PAC das Cidades Históricas emperra projetos, problemas antigos se arrastam nos municípios: vão desde a falta de conservação de fachadas a furtos em igrejas e museus. O Rio de Janeiro lidera o número de desaparecimentos de peças tombadas. Levantamento sobre o acervo de arte sacra do estado promovido pelo Instituto Estadual de Patrimônio Cultural (Inepac) nas cidades das regiões Norte, Noroeste e Baixadas Litorâneas apontou Campos dos Goytacazes como a cidade com o maior número de bens procurados: 34. O número de furtos também é grande em Cabo Frio.

O levantamento deu origem ao Inventário da Arte Sacra Fluminense, disponibilizado desde setembro na Internet e que já rendeu a recuperação de peças. Durante a catalogação, foram descobertas peças guardadas em sacristias e esquecidas em armários. Os responsáveis não tinham conhecimento do valor histórico dos bens.

- O Rio tem um grande acervo e é uma cidade portuária, que facilita a saída das peças. Nossa ideia foi tornar o acervo conhecido e trazer a comunidade para esse trabalho de preservação - explica o museólogo Rafael Azevedo, coordenador geral do inventário.

De acordo com Rafael, o inventário levou um ano para ser concluído. O ponto de partida foi um outro inventário promovido nos anos de 1794 e 1795 pelo Monsenhor Pizarro, religioso encarregado de vistoriar as igrejas católicas. O trabalho foi republicado e as peças apresentadas nas obras procuradas pelos pesquisadores. No ano que vem, a busca, identificação e catalogação das peças sacras fluminenses se estenderão para as cidades do Médio Paraíba e das regiões Sul, Serrana, Costa Verde e Metropolitana. Após a etapa, o Inepac pretende fazer o levantamento das coleções particulares.

Os furtos têm feito igrejas centenárias a manter suas portas fechadas. Em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, a Igreja de Nossa Senhora do Pilar, de 1720, perdeu suas imagens originais. O retábulo da capela-mor e mais quatro laterais e anjos talhados em madeira usados na ornamentação, além de uma porta do sacrário, também foram furtados. Em Nova Iguaçu, a Capela de Nossa Senhora de Guadalupe, construída em 1737, teve a portada da fachada furtada.

Em Minas, a Coordenadoria de Patrimônio Cultural do Ministério Público tem catalogados 689 bens desaparecidos. O órgão avalia que o estado já perdeu 60% dos seus tesouros sacros em razão de roubos e furtos.

Fonte: O Globo

até breve

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Ministério da Saúde lança plano de combate ao câncer de colo de útero


Governo vai investir R$ 115 milhões em ação nacional com 5 estratégias.

No Norte, risco de morte pela doença é 32% maior que média do país.

O Ministério da Saúde divulgou nesta sexta-feira (26) um plano nacional para combate ao câncer de colo de útero, uma das principais causas de morte entre mulheres no Brasil, que envolve o investimento de R$ 115 milhões em prevenção e controle. O Plano de Ação para Redução da Incidência e Mortalidade por Câncer de Colo de Útero reúne cinco estratégias, uma delas específica para a Região Norte. O lançamento da campanha contou com a presença do ministro da Saúde José Gomes Temporão.

“A Região Norte, seguida da Nordeste, aparece como o local onde precisamos aperfeiçoar a qualidade dos laboratórios que fazem exames e garantir o acesso das mulheres ao tratamento adequado que garante, quando há diagnóstico precoce, cura completa”, afirmou Temporão.

Um dos objetivos do Ministério da Saúde é melhorar o Sistema de Informações de Controle do Câncer do Colo do Útero (Siscolo) com a criação de cadastro de mulheres contra a doença e a emissão de laudos pela internet com assinatura eletrônica. O Siscolo funciona em parceria com o banco de dados do Sistema Único de Saúde (DataSUS).

O ano de 2011 contará com a campanha publicitária "Ano de Controle do Câncer do Colo de Útero", para esclarecer a população sobre a doença e passar recomendações e condutas ao médicos e profisisonais de saúde.

Nesta sexta-feira, foi também divulgado o quarto volume da série "Câncer no Brasil", que reúne registros sobre a doença em 17 cidades brasileiras, de 2000 a 2005. É possível acessar os dados aqui.

Região Norte
Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), na Região Norte a doença é a que mais mata mulheres entre as neoplasias malignas, com risco de óbito 32% superior à média nacional.

O Ministério da Saúde recomenda que a população de mulheres entre 25 e 60 anos passe pelo rastreamento por meio do exame citopatológico (papanicolau) a cada três anos, depois de dois exames consecutivos normais no intervalo de 1 ano. Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), o impacto relevante na mortalidade da doença requer uma cobertura que atinja 80% ou mais da população-alvo.

O exame citopatológico também é um problema em mais de 30% das cidades das regiões Norte e Nordeste, nas quais o índice de amostras insatisfatórias colhidas é maior que 5%, padrão considerado ruim pela OMS.

Fonte: G1


até breve

Hong Kong tem 1º caso de gripe aviária após 7 anos


Paciente de 59 anos visitou a China recentemente e não teve contato com aves.

Autoridades de saúde de Hong Kong confirmaram nesta quinta-feira o primeiro caso de gripe aviária no território em sete anos. A paciente é uma mulher de 59 anos que esteve na China recentemente e foi diagnosticada com o vírus H5, uma variante da gripe aviária. Ela está internada em estado grave.

O governo de Hong Kong elevou o nível de alerta sobre a gripe aviária para "sério", o que significa que há um risco elevado de se contrair a doença na região, disse um porta-voz do Ministério da Saúde.

A paciente esteve na China entre 23 de outubro e 1º de novembro com o marido e a filha e foi hospitalizada com pneumonia no dia 14. As pessoas que entraram em contato com ela estão sendo monitoradas e as autoridades trabalham para determinar se ela contraiu o vírus em Hong Kong ou fora do território.

Durante a viagem, ela não visitou áreas agrícolas nem esteve em contato com aves, o que pode ser preocupante. Acredita-se hoje que o vírus H5N1 seja transmitido quase que exclusivamente do animal para o homem. Mas cientistas temem que uma mutação permita a transmissão entre humanos e provoque uma pandemia.

Poucos riscos — Stefan Cunha Ujvari, médico infectologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo, afirma que ainda não há razão para preocupação. “Todos os anos há casos de gripe aviária no mundo, mas em pequeno número. Até hoje, só 507 pessoas foram contaminadas”, diz. “Em dois casos anteriores, na Tailândia e na Indonésia, havia indícios de que a transmissão tinha se dado de pessoa a pessoa, porém o vírus não foi transmitido com eficiência. Isso significa que ele ainda precisaria de mais algumas mutações para ser capaz de criar uma pandemia. Além disso, é necessário investigar se a paciente realmente não teve nenhum contato com aves, mesmo que indireto.”

O secretário de Saúde de Hong Kong, York Chow, também afirmou que até o momento não há indícios de transmissão entre humanos no caso específico.

Em 1997, Hong Kong foi o primeiro local do planeta a sofrer com uma epidemia da doença, como consequência de uma mutação então desconhecida do vírus da gripe aviária. Na ocasião, seis pessoas morreram e milhões de aves foram sacrificadas.

Fonte: Veja

até breve

Novas regras para cartões de crédito


A partir do ano que vem será obrigatória a oferta de modelo com anuidade menor.

O Conselho Monetário Nacional (CMN), órgão composto pelos ministérios do Planejamento e da Fazenda e pelo Banco Central, estabeleceu regras padronizando tarifas e serviços de cartões. As medidas entram em vigor em março de 2011 e, entre elas, está a que obriga bancos a oferecer um cartão de crédito básico. Para garantir a anuidade menor, o cartão terá apenas função de pagamento em locais credenciados.

Cartões com mais serviços ou benefícios, incluindo programas de milhagem, serão classificados como “diferenciados”. A exemplo da determinação aplicada às tarifas bancárias em 2008, os bancos deverão divulgar em local visível ao público as informações com os custos e serviços do modelo diferenciado, em informes dentro das agências bancárias e na Internet.

Além disso, o Banco Central estabeleceu que o valor mínimo da fatura de cartão de crédito paga mensalmente pelos clientes deve ser de pelo menos 15% do saldo total. Essa regra entra em vigor no dia 1º de junho de 2011, e a partir de dezembro esse limite será ampliado para 20%.

As instituições também terão que divulgar na fatura do cartão e no contrato informações detalhadas sobre preços e encargos que incorrem se o cliente decidir pelo pagamento da fatura mínima. No boleto mensal, os bancos deverão incluir o Custo Efetivo Total — cálculo que inclui impostos, tarifas e juros. Entre as medidas, fica proibido o envio de cartão por correio sem solicitação do cliente. As instituições também estarão proibidas de cobrar por quaisquer serviços prestados por meios eletrônicos (em Internet ou terminal de autoatendimento).

REGRAS

Só poderão ser cobradas tarifas pela anuidade, fornecimento de segunda via, retirada de dinheiro na função crédito, pagamento de contas e avaliação emergencial de crédito.

SÓ 2012

Medidas entram em vigor para contratos novos em junho de 2011. Cartões atuais, que cobram juros de 10,69% ao mês e 238,30% ao ano, terão de se adequar até junho de 2012.

Fonte: O DIA ONLINE

até breve

Depois da Marinha, Exército e Aeronáutica entram na guerra do Rio


Ontem, policiais em blindados ocuparam a Vila Cruzeiro, QG do Comando Vermelho, em ação que teve até fechamento do espaço aéreo.

Depois de cinco dias de confrontos no Rio, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou 800 homens do Exército para a cidade, além de mobilizar Aeronáutica e Polícia Federal. Ontem, em operação policial sem precedentes, já com apoio de blindados da Marinha, a polícia ocupou a Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha (zona norte do Rio), após 40 horas de intenso tiroteio.


Marcos Michael/EFETática. Maior operação da semana mobilizou 510 policiais; "virou uma guerra civil", disseram moradores, que chegaram a fugir assustados; ruas da Penha ficaram vazias e comércio, fechou
"Não é humanamente possível que 99% das pessoas sejam molestadas por gente que está na marginalidade. Portanto, o Rio pode ficar 100% tranquilo que o governo dará ajuda", disse Lula em Georgetown, capital da Guiana. Segundo ele, um pedido formal de auxílio para uma Operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) foi feito anteontem pelo governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB).

O Exército vai garantir a proteção dos perímetros das áreas ocupadas por policiais. Já a Aeronáutica vai enviar dois helicópteros. Ainda serão mandados mais dez blindados das Forças Armadas, além de equipamentos de comunicação e óculos de visão noturna. Pela primeira vez na história, homens da Polícia Federal, pelo menos 300, atuarão no Estado já a partir de hoje.

Pelo menos 35 pessoas já morreram no Rio desde domingo. O número não inclui os mortos de ontem na Vila Cruzeiro, quartel-general do Comando Vermelho - o total não foi revelado pelo governo. Ontem, os ataques continuaram e se espalharam pela cidade, atingindo até o Túnel Rebouças, que liga as zonas norte e sul. Nos cinco dias, pelo menos 61 veículos já foram incendiados.

Fonte: Estadão

até breve

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Cabo Frio vai receber reforço de policiamento


Municipios do norte e noroeste enviaram 150 PMs para a Capital.

O comandante do Batalhão de Cabo Frio (25º BPM), na região dos Lagos, tenente-coronel Hugo Freire, está pedindo reforço para garantir a segurança na região, a corporação já está trabalhando com patrulhamento ostensivo.

O Município teve três carros queimados nesta quarta-feira (24). Duas pessoas foram presas suspeitas de incendiar os veículos, uma delas é morava na favela Barreira do Vasco, em São Cristóvão, na Zona Norte do Rio. Segundo a polícia, os acusados confessaram que receberam ordem do chefe do tráfico da comunidade do Lixo, em Cabo Frio, para atear fogo.

Na manhã desta quinta-feira (25) as autoridades de segurança da região dos Lagos – secretarias de segurança, Guarda municipal, Delegacias de Policia Civil e PM – se reuniram para definir as ações para garantir a segurança na região. Hoje o batalhão da região trabalha com 760 agentes e vai receber o apoio de mais 150 policiais.

Reforço para capital

Enquanto isso, outros municípios do interior estão enviando reforço para o Rio.

Militares de Campos no norte fluminense, Itaperuna e Santo Antônio de Pádua, noroeste, enviaram cerca de 140 homens para a capital do Estado. A previsão é que os policiais fiquem no Rio de Janeiro por uma semana.

Macaé, no norte do estado, manteve o efetivo integral.

Fonte: R7
_ _ _
Ehhhhhhh!!! Agora mais do que nunca que o bicho vai pegar em Campos. Tomara que os "marginais" de nossa cidade não tenham acesso a essa informação.

até breve

Fundação Itaú: Livros Infantis


A Fundação Itaú está com um projeto de estimular a leitura infantil, para isso esta disponibilizando gratuitamente uma coleçao de livro infantins.

Basta se cadastra no site.

http://www.lerfazcrescer.com.br/#/home

até breve

EAS apresenta menor preço para 7 sondas da Petrobras


O Estaleiro Atlântico Sul (EAS), instalado em Pernambuco, apresentou a menor proposta para a construção de sete sondas de perfuração em profundidade acima de três mil metros para a Petrobras. A proposta do estaleiro é de US$ 4,650 bilhões, ou US$ 664,2 milhões por unidade. A licitação prevê a contratação de até quatro pacotes, o que significa que o segundo, o terceiro e o quarto colocados na concorrência também podem levar encomendas.

Pelas propostas apresentadas hoje, em segundo lugar ficou o consórcio Alusa Galvão, que pretende construir um estaleiro na região de Barra do Furado, no Norte Fluminense. O consórcio apresentou uma proposta de US$ 4,678 bilhões, valor de US$ 668,28 milhões por unidade. O terceiro colocado foi o estaleiro Brasfels, de Angra dos Reis, com proposta de US$ 5,172 bilhões, ou US$ 738,8 milhões por unidade. O quarto lugar ficou com o Jurong, com proposta de US$ 5,178 bilhões, ou US$ 739 milhões por unidade. O estaleiro Jurong, de Cingapura, pretende construir uma unidade no Espírito Santo, caso leve as encomendas.

Também apresentaram propostas o consórcio formado por OAS/Odebrecht/UTC (US$ 5,311 bilhões), Eisa (US$ 5,492 bilhões) e Andrade Gutierrez/Mauá (US$ 5,768 bilhões). Nenhuma empresa apresentou recurso administrativo no ato da abertura, mas o prazo agora é de cinco dias para fazer isso. Por conta disso, a Petrobras não pode ainda declarar o vencedor da licitação e sequer vai comentar se deve contratar ou não os quatro pacotes.

Ainda hoje, a companhia abriu o envelope de outras duas licitações para a construção de até quatro sondas, com tipos e prazos diferenciados em relação ao pacote de 28. Os grupos Atlântico Sul e Keppel Fels - de Cingapura, mas com estaleiro em Angra dos Reis - apresentaram os menores preços na concorrência.

A melhor proposta foi a do estaleiro Atlântico Sul, no valor unitário de US$ 719,020 milhões, seguido pela Keppel, com US$ 748,880 milhões. Ainda na licitação, o grupo Andrade Gutierrez apresentou o preço mais alto, de US$ 1,170 bilhão para a construção de uma unidade, seguido do consórcio formado por OAS/Odebrecht e UTC (US$ 988,555 milhões) e pela Andrade Gutierrez(US$ 966,217 milhões). Na sequência aparece a Jurong (US$ 870 milhões). A expectativa é de que a Petrobras negocie com o segundo colocado para que reduza o preço para algo mais próximo do valor apresentado pelo primeiro colocado.

Fonte: Estadão

até breve

Mais oportunidades de Emprego: Petróleo e Gás


Feminino/ Masculino
offshore
2ºGrau completo. Experiência de 2 anos comprovada em CTPS.
GMDSS, Anatel, CNS014, Bandeiras Panamá e Ilhas Marshall e Salvatagem.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: ROP

Cozinheiro
Offshore
1º grau completo. Experiência de 2 anos comprovada em carteira. Senac na função e Salvatagem. Desejável IH.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Cozinheiro
Recrutamento Externo

Chefe de Cozinha
Offshore
1º grau completo. Experiência de 3 anos comprovada em carteira. Senac na função de cozinheiro, Salvatagem. Desejável IH.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Chefe de Cozinha
Recrutamento Externo

Ajudante de Cozinha
Offshore
1º grau completo. Senac na função de ajudante/cozinheiro. 1 ano
comprovado em CTPS na função e Salvatagem.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Ajudante de Cozinha
Recrutamento Externo

Técnico de Manutenção
Offshore
Técnico em eletro técnica, eletrônica ou eletromecânica Experiência de 2 anos comprovada em carteira e Salvatagem. Crea ativo
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Tec. Manutenção
Recrutamento Externo

Arrumador
Offshore
1º grau completo. Experiência de 1 ano comprovada em carteira. Senac na função de taifeiro/arrumador/camareiro e Salvatagem.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Arrumador
Recrutamento Externo

Padeiro
Offshore
1º grau completo. Experiência de 1 ano comprovada em carteira. Senac na função de taifeiro/arrumador/camareiro e Salvatagem.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Padeiro
Recrutamento Externo

Comissária /Nutricionista
Offshore
2 anos de formação em nível superior - Nutrição. Experiência de 2 anos comprovada em carteira. CRN ativo e Salvatagem.
Exclusivamente por e-mail: recrutamacae@denadai.com.br
Escreva no assunto o código da vaga: Nutricionista
Recrutamento Externo

Técnico em projeto
Requisitos:
Técnico em Mecânica com ênfase em tubulação, Possuir habilidades de análise de documentação com fortes conhecimento de projeto de tubulação em instalações marítimas de petróleo;
Conhecer a ET-200 da Petrobras, na sua última revisão;
Possuir perfil verificador de projeto;
Conhecer os sistemas de produção e facilidade de unidade marítima com ênfase de tubulação;
Ter domínio do software microstation de execução e conhecer a estrutura de PDS e maquete eletrônica para consulta.

Técnico de Segurança do trabalho
Local de trabalho: Personal sede Macaé
.....................................................
Daniele Silva
PERSONAL SERVICE - Soluções em Infra-estrutura
(22) 2757-2634 Ramal 26
daniele.silva@personalservice.com.br

__________________________________________


Empresa Multinacional de Perfuração Offshore, busca:

Sondador/ Driller

Escala 14X14 dias

Inglês Fluente

Experiência offshore nesta função.

Interessados dentro do perfil, favor enviar o currículo para

cv.brazil@prideinternational.com, mencionando no assunto: DRILLER

Subsea trainee

Escala 14X14 dias

Inglês Fluente

Experiência offshore nesta função.

Interessados dentro do perfil, favor enviar o currículo para

cv.brazil@prideinternational.com, mencionando no assunto: SUBSEA TRAINEE


Almoxarife offshore

Escala 14X14 dias

Inglês fluente.

Experiência offshore nesta função.

Interessados dentro do
perfil, favor enviar o currículo para cv.brazil@prideinternational.com, mencionando no assunto: ALMOXARIFE OFFSHORE


Técnico de Segurança do Trabalho Offshore.

Escala 14X14 dias

Inglês Fluente

Experiência offshore nesta função.

Interessados dentro do perfil, favor enviar o currículo para

cv.brazil@prideinternational.com, mencionando no assunto: TECNICO DE SEGURANÇA

OFFSHORE

Guindasteiro

- mínimo 2 anos de experiência em unidades de perfuração e produção marítima ou terrestre.

Requisitos básicos:
* Segundo grau completo

Desejável:

* Curso de Movimentação de Cargas nível II

* Inglês
intermediário

Interessados enviar currículo para Brazil.HRRecruiting@deepwater.com informando no assunto/subject: Vaga ? Guindasteiro

Outros:

CALDEIREIRO IRATA (15 VAGAS)

QUALIFICAÇÃO IRATA E ABRAMAN EM DIA, VAGAS URGENTES! CALDEIREIRO IRATA COM ABRAMAN PARA TRABALHAR EM REGIME OFFSHORE. INTERESSADOS DEVEM ENVIAR CURRICULO PARA:

SOLDADOR IRATA (10 VAGAS)

10 VAGAS PARA SOLDADDOR IRATA, ESCOLARIDADE 1º GRAU COMPLETO.
email para: rhmacae@imetame.com.br OU ENTREGAR NA PORTARIA DA EMPRESA.

ELETRICISTA
Perfil: formação técnica e inglês intermediário ou avançado. Experiência mínima de 3 anos na função em empresas de petróleo e gás.
Local: RJ.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

OPERADOR DE UTILIDADES
Perfil: inglês avançado, certificado STCW e experiência mínima de 3 anos como 3rd Engineer.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

OPERADOR DE GUINDASTE
Perfil: possuir certificação e experiência como Nível 3. Inglês intermediário.
local: FPSO no ES.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

MARINHEIRO DE MÁQUINAS
Perfil: Morar no ES ou RJ. CIR ativo e experiência mínima de 2 anos na função em empresas na área de petróleo e gás.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

TÉCNICO ELÉTRICO
Perfil: inglês intermediário ou avançado, 5 anos de experiência na área de petróleo, formação completa (técnico: elétrico, eletrotécnico ou elétrico mecânico).
Local de Trabalho: Sergipe
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

MARINHEIRO DE CONVÉS
Perfil: Morar no ES ou RJ. CIR ativo e experiência mínima de 2 anos na função em empresas na área de petróleo e gás.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

Multinacional na área de Petróleo e gás seleciona
Multinacional na área de Petróleo e gás seleciona os cargos descritos abaixo:

TÉCNICO ELÉTRICO
Perfil: inglês intermediário ou avançado, 5 anos de experiência na área de petróleo, formação completa (técnico: elétrico, eletrotécnico ou elétrico mecânico).
Local de Trabalho: Sergipe
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para
bquintao@swiftwwr.com

MARINHEIRO DE CONVÉS
Perfil: Morar no ES ou RJ. CIR ativo e experiência mínima de 2 anos na função em empresas na área de petróleo e gás.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

MARINHEIRO DE MÁQUINAS
Perfil: Morar no ES ou RJ. CIR ativo e experiência mínima de 2 anos na função em empresas na área de petróleo e gás.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

OPERADOR
DE GUINDASTE
Perfil: possuir certificação e experiência como Nível 3. Inglês intermediário.
Local: FPSO no ES.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

OPERADOR DE UTILIDADES
Perfil: inglês avançado, certificado STCW e experiência mínima de 3 anos como 3rd Engineer.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com

ELETRICISTA
Perfil: formação técnica e inglês intermediário ou avançado. Experiência mínima de 3 anos na função em empresas de petróleo e gás.
Local: RJ.
Atividades: manutenção, auxilio no comissionamento, fornecer informações corretas e relatórios. Testes de inspeção de rotina, monitoramento do estoque de peças e combustíveis. Manutenção de todos os sistemas de navegação e comunicação, além de controle e segurança de sistemas.
Interessados, favor enviar currículo em inglês com pretensão salarial para bquintao@swiftwwr.com
Henrique Braga
_ _ _

até breve

Hoje é o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue


Anualmente o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue é celebrado em 25 de novembro, instituído através do Decreto Presidencial nº 53.988 de 30 de junho de 1964.

A Semana do Doador Voluntário de Sangue, comemorada na última semana do mês de novembro, foi instituída por um decreto publicado no Diário Oficial da União em 21 de novembro de 2003, assinado pelo Presidente da República Sr. Luiz Inácio Lula da Silva. E a data é festejada pelos Serviços de Hemoterapia públicos de todo o país.

O Ministério da Saúde, em comemoração a semana, que este ano será de 21 a 27 de novembro, reforçará a campanha Doe Sangue e Faça Alguém Nascer de Novo com a veiculação do filme nas redes de TVs, hotsite:
http://www.facaalguemnascerdenovo.com.br/, spots e email marketing.

Dados sobre doação

No Brasil, 1,9% da população doa sangue. A Organização Mundial de Saúde preconiza que 3 a 5% da população doe sangue, conforme necessidades regionais, estaduais e municipais.

Em reforço ao aumento de nº de doadores voluntários, as hemorredes estaduais desenvolvem programas de multiplicadores como o “Programa Doador do Futuro” e “Clube 25”, que trazem o significativo aumento do número de doadores jovens, entre 18 a 29 anos. Há também, um significativo crescimento das doações fidelizadas na faixa etária entre 29 e 49 anos, o que demonstra um período de busca da determinação de conceitos e questões sociais que permeiem suas ações de saúde neste grupo; e, temos um número mais reduzido de doadores com mais de 50 anos, faixa etária que predispõe a consciência plena de valores e, sobretudo a multiplicação destes em ampla escala social. A legislação atual recomenda que o candidato a doação deva estar entre a faixa etária de 18 a 65 anos.

Mesmo com estas ações de captação de doadores, a hemoterapia brasileira enfrenta o desafio de suprir a crescente demanda de sangue provocada, até mesmo pelo próprio setor saúde, como: o incentivo e aumento efetivo do número de transplante; uso do sangue como suporte terapêutico em patologias hematológicas, propiciadas pelo aumento da atenção integral as pacientes; endemias recorrentes (dengue); imunizações em maior escala (candidatos tornam-se inaptos por pelo menos trinta dias); e, especialmente, a redução de doadores em média de 30% em períodos comemorativos (natal) e festivos (carnaval), paralelo ao aumento de transfusões nas unidades de emergência nestes períodos.

Fernanda Oliveira
Núcleo de Comunicação Interativa
ASCOM - Gabinete do Ministro
Ministério da Saúde
(61) 3315-3718/2678
_ _ _
até breve

Estado de prontidão da PM se estende para o interior do Estado


Ataque em Cabo Frio pode ter relação com ações no Rio.

Macaé, no norte fluminense, Cabo Frio, na região dos Lagos, e Rio das Ostras, na baixada litorânea, estão em estado de prontidão, assim como o Rio de Janeiro, por conta da onda de violência. Nesta quinta-feira (25) todas as autoridades de segurança na região dos Lagos vão se reunir para definir estratégia de ação.

Apesar da situação na capital e da possibilidade de pedir reforços para garantir a segurança, o coordenador de comunicação da Polícia Militar, coronel Henrique Lima Castro, informou que não houve mudanças no policiamento no interior do Estado, nada foi retirado nem acrescentado.

Cabo Frio

Em Cabo Frio, no início da tarde desta quarta-feira (24) três carros foram incendiados. No meio da tarde chegou a ser divulgada a existência de um quarto carro, que não foi confirmada.

O comandante do Batalhão de Cabo Frio (25º BPM), tenente-coronel Hugo Freire, confirmou que os criminosos que incendiaram os carros em Cabo Frio tinham ligação com a organização responsável pelos atentados no Rio. Segundo ele, a ação foi encomendada pelo líder do tráfico na cidade, o “Burgão”, a pedido dos criminosos da capital.

A reunião

O comandante informou que na manhã desta quinta-feira todas as autoridades ligadas a segurança da região dos Lagos – delegados da polícia civil, secretários de segurança e coordenadores das guardas municipais – vão se reunir para definir como agir diante do que ocorreu nesta quarta-feira.

A segurança na região dos Lagos está sendo feita por 450 policiais militares, com apoio da Polícia Rodoviária Federal. O tenente-coronel Hugo Freire informou que a guarda municipal vai trabalhar em apoio a ação policial.

Fonte: R7

até breve

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Para terminar a noite, Arnaldo Jabor


Barriga é barriga...

Barriga é barriga, peito é peito e tudo mais. Confesso que tive agradável surpresa ao ver Chico Anísio no programa do Jô, dizendo que o exercício físico é o primeiro passo para a morte. Depois de chamar a atenção para o fato de que raramente se conhece um atleta que tenha chegado aos 80 anos e citar personalidades longevas que nunca fizeram ginástica ou exercício - entre elas o jurista e jornalista Barbosa Lima Sobrinho - mas chegou à idade centenária, o humorista arrematou com um exemplo da fauna:

A tartaruga com toda aquela lerdeza, vive 300 anos. Você conhece algum coelho que tenha vivido 15 anos?

Gostaria de contribuir com outro exemplo, o de Dorival Caymmi. O letrista compositor e intérprete baiano era conhecido como pai da preguiça. Passava 4/5 do dia deitado numa rede, bebendo, fumando e mastigando. Autêntico marcha-lenta, levava 10 segundos para percorrer um espaço de três metros. Pois mesmo assim e sem jamais ter feito exercício físico viveu 90 anos.

Conclusão: Esteira, caminhada, aeróbica, musculação, academia? Sai dessa enquanto você ainda tem saúde...

E viva o sedentarismo ocioso!!! Não fique chateado se você passar a vida inteira gordo. Você terá toda a eternidade para ser só osso!!!
Então: NÃO FAÇA MAIS DIETA!! Afinal, a baleia bebe só água, só come peixe, faz natação o dia inteiro, e é GORDA!!! O elefante só come verduras e é GORDOOOOOOOOO!!!

VIVA A BATATA FRITA E O CHOPP!!!
Você, menina bonita, tem pneus? Lógico, todo avião tem!
E nunca se esqueçam: 'Se caminhar fosse saudável, o carteiro seria imortal.´

E lembrem-se sempre: Celulite quer dizer - EU SOU GOSTOSA! ...Em braile.

Arnaldo Jabor
_ _ _

até breve

Atual mercado de livros vai falir, diz estudioso americano


Ele diz que editoras são resistentes a inovações como os leitores eletrônicos. Já os leitores deverão ser beneficiados pela tecnologia.

Durante os últimos 30 anos, o americano Bob Stein vem se dedicando a aproximar o livro em seu formato tradicional, o papel, das inovações tecnológicas. Ele foi, por exemplo, artífice da primeira publicação em CD-ROM e acompanhou a gestação e evolução do leitor de livros eletrônicos, o e-reader - caso do Kindle, da livraria virtual Amazon. De olho da ascensão do e-book e de novos leitores, como os tablets, ele faz uma previsão nada animadora para as engrenagens do atual mercado livreiro, apoiado na impressão e distribuição do papel: "Essa estrutura econômica atual irá falir", diz Stein, que hoje dirige o Institute for the Future of the Book. Ao mesmo tempo, a previsão é animadora para os leitores. "Quando você estiver lendo uma obra on-line, por exemplo, poderá compartilhá-la via Twitter e Facebook. Os livros serão mais emocionantes e permitirão uma conversa muito mais social entre os leitores." Pouco antes de vir ao Brasil, no recente Fórum da Cultura Digital, promovido pelo Ministério da Cultura e pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa, ele concedeu a seguinte entrevista ao site de VEJA(aqui).

"A internet mudou os modelos de negócio na indústria da música, na indústria do vídeo e não há razão para não mudar o modelo de negócio na venda de livros"

Fonte: Veja

até breve

Pela 1ª vez, caem novos casos de contaminação por HIV


Pela primeira vez em quase 30 anos, os números de novas contaminações e de mortes pelo vírus HIV, causador da aids, começam a cair, indicando que o pico da epidemia teria sido superado. No total, 56 países estabilizaram ou reduziram a incidência do vírus. Mas a falta de recursos pode ameaçar esses avanços e as 10 milhões de pessoas com aids que não têm acesso a remédios. Sem novos recursos, os 5 milhões de pacientes medicados poderiam perder o acesso ao tratamento.

Os dados foram publicados ontem pela Organização das Nações Unidas (ONU) e comemorados como o primeiro sinal de que os esforços bilionários dos últimos anos começam a surtir efeitos. "Pela primeira vez, podemos dizer que estamos quebrando a trajetória da aids. Freamos a epidemia e começamos a revertê-la. Menos pessoas estão sendo infectadas e ainda menos estão morrendo", disse o diretor executivo da Unaids, Michel Sidibe.

Mas 33,3 milhões de pessoas estão contaminadas e não há menção a um fim da epidemia, nem nos países ricos. A região mais afetada é a África, onde estão 60% dos novos casos. Em 2009, o continente somou 1,3 milhão de mortes e 1,8 milhão de novas infecções. Desde os anos 80, mais de 60 milhões de pessoas foram infectadas e 30 milhões morreram.

O que se comemora é que, após um crescimento constante, os números de infectados por ano começam a cair. Em 2008 foram 3,4 milhões; em 2009, 3,1 milhões; e neste ano devem ser 2,6 milhões. Entre os jovens dos países pobres, a queda foi de 25%, por causa do uso mais frequente de preservativos. Nos últimos dez anos, o número de novas infecções caiu 20%.

Verba
Cofres de Estados e municípios brasileiros abrigam pelo menos R$ 154,423 milhões que deveriam ter sido usados para programas de aids, mas ficaram intocados. O recurso, repassado pelo Ministério da Saúde, representa 18% da verba transferida desde que o programa de incentivo foi iniciado e suficiente para financiar pelo menos um ano de ações na área. "Cada centavo que deixa de ser usado pode representar uma nova infecção, um paciente sem recursos para tratamento", alerta o representante da Unaids no Brasil, Pedro Chequer.

As razões para a não aplicação dos recursos são inúmeras, diz ele. Vão de problemas técnicos e jurídicos à falta de disposição política de representantes locais de saúde. "Muita coisa avançou no País, mas temos de ficar atentos às diferenças e trabalhar para que pelo menos o dinheiro oferecido seja usado rapidamente e com competência", completou.

A transferência automática fundo a fundo de incentivos na área de aids foi determinada em dezembro de 2002. Mas a adesão a essa forma de financiamento variou de Estado para Estado. Alagoas é o que, proporcionalmente, apresenta o menor saldo disponível: R$ 42.906 - valor menor do repasse mensal. Quinze Estados têm uma quantia que excede o repasse anual.

O campeão no atraso do uso de recursos é Goiás. A quantia não usada equivale a 36 meses de repasse. Tocantins vem em segundo lugar, com verba para 30 meses. A do Rio equivale a 25. O superintendente de vigilância ambiental e epidemiológica do Rio, Alexandre Chieppe, diz que boa parte dos R$ 26,15 milhões não usados pelo Estado foram acumulados nos primeiros anos de convênio. "Desde 2007, conseguimos imprimir um ritmo mais acelerado para uso dos recursos", afirmou.

O diretor do departamento de DST-Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, Dirceu Greco, diz não haver forma de punir Estados pela demora. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: Estadão

até breve

Beber muito álcool de uma vez só dobra os riscos de ter infarto


Estudo francês mostra que beber com moderação protege o coração.

Quem consome álcool em excesso somente nos fins de semana tem duas vezes mais chances de sofrer uma parada cardíaca do que as pessoas que bebem continuamente. Essa é a conclusão de um estudo feito na França e Irlanda do norte e publicado nesta quarta-feira (23) na revista científica British Medical Journal, do Reino Unido.

A equipe de Jean-Bernard Ruidavets, da Universidade de Toulouse (França), avaliou o consumo de álcool na França e na Irlanda do Norte para verificar se o hábito poderia estar relacionado à diferença de mortalidade por doenças coronarianas constatada nos dois países. Os irlandeses possuem duas vezes mais casos de insuficiência coronariana aguda (infarto do miocárdio e morte coronariana) do que os franceses.

Para verificar a relação, os cientistas acompanharam, durante 10 anos, cerca de mil homens entre 50 e 59 anos de três cidades francesas (Lille, Estrasburgo e Toulouse) e de Belfast, na Irlanda do Norte. Todos os homens estavam livres de doenças cardíacas no início do estudo, em 1991.

Os pesquisadores descobriram que o volume semanal de álcool consumido é praticamente idêntico em Belfast e na França.

No entanto, de acordo com Ruidavets, os hábitos de consumo eram “radicalmente diferentes”.

- Em Belfast, o consumo de álcool estava mais concentrado em um dia da semana [no sábado], enquanto nas três cidades francesas, o consumo estava distribuído de forma mais regular ao longo da semana.

Segundo os pesquisadores, beber quatro ou cinco taças de vinho em uma única ocasião já é considerado consumo excessivo de álcool. Enquanto na Irlanda do Norte a porcentagem de homens com esse hábito foi de 9,4%, na França ficou em 0,5%.
Paralelamente, a incidência anual de mortes coronarianas foi quase duas vezes maior em Belfast (5,63 em 1.000) em relação à França (2,78 em 1.000).

Segundo Jean Ferrières, pesquisador da Universidade de Toulouse, os dois hábitos indicam também consequências contraditórias.

- Por um lado, consumir uma ou duas vezes grandes quantidades de álcool causa a morte coronariana. Por outro, consumir vinho regularmente protege o coração.

Em Belfast, os homens bebiam principalmente cerveja (75,5%), seguida de destilados (61,3%), sendo o vinho pouco consumido (27,4%). Na França, ao contrário, o consumo de vinho predominava (91,8%).

- O consumo de vinho reflete um comportamento de vida diferente com relação ao de cerveja e está associado a outros fatores de proteção do sistema cardiovascular, como a alimentação.

Em editorial publicado pela revista científica BMJ, Annie Britton, cientista da University College London, advertiu contra os efeitos nocivos do álcool, que pode causar outras doenças.

- É preciso lembrar a todos os grandes bebedores, seja qual for seu hábito de consumo, que [a bebida] aumenta o risco de desenvolver muitas doenças, como a cirrose, a pancreatite crônica e vários tipos de câncer.

Fonte: R7

Essa me preocupou!!!


até breve

Inep divulga gabarito do Enade 2010


Cerca de 650 mil universitários fizeram o exame no domingo.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgou o gabarito das provas do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), aplicadas no último fim de semana. Os participantes podem consultar as informações no site do órgão.

Cerca de 650 mil universitários fizeram o exame no domingo. O Enade é aplicado aos alunos que estão ingressando e concluindo cursos superiores para avaliar a qualidade do ensino oferecido pelas universidades, centros universitários e faculdades. A partir do exame, são elaborados os principais indicadores de qualidade do Ministério da Educação (MEC).

Participaram da avaliação alunos dos cursos de educação física, agronomia, biomedicina, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social, terapia ocupacional, zootecnia, tecnologia em agroindústria, agronegócio, gestão ambiental, gestão hospitalar e radiologia.

Fonte: Zero Hora

até breve

Supervisor do Detran-RJ em Campos é preso por roubo de eletrônicos


Um supervisor do posto do Departamento de Trânsito do Rio de Janeiro (Detran-RJ) foi preso suspeito de roubar equipamentos em uma unidade do órgão em Campos dos Goytacazes, na zona norte da cidade. A prisão foi feita anteontem, por policiais da 134ª Delegacia de Polícia, mas a informação só foi divulgada pela Polícia Civil hoje.

O suspeito teria roubado uma CPU, dois monitores e um teclado de computador, além de um micro-ondas. Na noite de domingo, o homem foi até o posto, se identificou com um crachá e disse aos seguranças do local que tinha ido buscar aparelhos para manutenção. Os funcionários do Detran deram falta do material na manhã seguinte e acionaram a polícia.

O homem foi localizado em sua casa no centro de Campos e negou ter cometido o crime. Ele foi indiciado por peculato, crime em que um funcionário público apropria-se de material da instituição para uso próprio. O preso foi conduzido ao Presídio Dalton Crespo de Castro.

Fonte: Estadão

até breve

Governo federal põe polícia em estradas do RJ


Para tentar ajudar o governo do Rio de Janeiro a conter a onda de violência, o governo federal mobilizou a Polícia Rodoviária Federal e reforçou o patrulhamento de estradas federais. De acordo com o ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, também foram determinadas a suspensão de folgas, o pagamento de horas extras e o deslocamento de policiais de Estados próximos.

"Tudo aquilo que nós pudermos (fazer para) ajudar o Rio de Janeiro neste momento nós vamos fazer", afirmou Barreto. Segundo ele, o governador Sérgio Cabral (PMDB) solicitou num primeiro momento o apoio da Polícia Rodoviária Federal. "E já atendemos", disse.

Cabral havia feito o pedido ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, pela manhã, por telefone. Lula afirmou que "fará o que for necessário para que as pessoas de bem derrotem aqueles que querem viver na marginalidade". O ministro afirmou que se o governo do Rio considerar necessário serão colocados à disposição o sistema penitenciário nacional, a Força Nacional e a Polícia Federal.

Ele negou, porém, que exista algum tipo de intervenção federal no caso ou no Estado. "Estamos colocando à disposição tudo o que é necessário e só vamos acionar o que o governo estadual achar necessário." Para Barreto, os incidentes podem ser uma reação ao sucesso do projeto das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). "Mas o que importa é o Estado continuar firme. Ele vai enfrentar o crime organizado e certamente vai vencer essa disputa." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: Estadão

até breve

Roda de Conversa Quilombolas ocorre no CCMar


Será realizada nesta quinta-feira, às 18h, no Centro de Convívio dos Meninos do Mar (CCMar), a “Roda de Conversa Quilombolas”. O Projeto Larus receberá representantes de comunidades remanescentes de Quilombos do estado do Rio de Janeiro.

O Larus tem como um de seus objetivos o resgate da identidade cultural junto às comunidades costeiras. Na sua trajetória, deparou-se com as comunidades Quilombolas que vivem na região de atuação do projeto - de Santa Vitória do Palmar a Mostardas.

Durante esta semana, promove a troca de experiências com algumas lideranças das comunidades remanescentes dos Quilombolas do RJ - Campos dos Goytacazes, Rasa/Armação de Búzios e São Francisco de Itabapoana, recebendo-os na região para várias visitas e discutir problemas comuns.

A agenda começa por Pelotas, nesta quarta-feira. O encerramento das visitas ocorre no dia 29, em Santa Vitória e Barra do Chuí.

Fonte: Jornal Agora

até breve

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Inscrições para processo seletivo da AGEVAP terminam no dia 16


Terminam hoje, às 23 horas, a inscrições para o processo seletivo da Agência da Bacia do Rio Paraíba do Sul (AGEVAP). A AGEVAP está selecionando 33 novos profissionais para sua equipe que estarão atuando nos municípios de Resende, Nova Friburgo, Seropédica, Italva, Petrópolis, Campos dos Goytacazes e Volta Redonda, no Estado do Rio de Janeiro.

Segundo informações da Assessoria de Comunicação da Agevap, as vagas são para os cargos de assistente (nível médio), analista administrativo, especialista administrativo financeiro, especialista em recursos hídricos, coordenador de núcleo, gerente administrativo financeiro, gerente de recursos hídricos, engenheiro e coordenador de comunicação, mobilização e educação ambiental. Os salários variam de R$ 1.500 a R$ 4.483.

As inscrições devem ser feitas somente pelo site www.dexter.net.br.


As taxas custam R$ 33 para cargos de ensino médio e R$ 48 para profissionais com nível superior.
A data das provas objetivas para todos os cargos está prevista para o dia 5 de dezembro nas cidades de Volta Redonda e Campos dos Goytacazes.


Mais informações e acesso ao edital completo no site: www.agevap.org.br.

Fonte: A Voz da Cidade


até breve

Vagas para Trabalhar com Grandes Máquinas

SELECIONA PARA TRABALHAR NO RIO DE JANEIRO:

ÁREA: GRANDES MÁQUINAS (GM)

*1 VAGA TAMBÉM PARA SP

Engenheiro Mecânico:
- Mínimo de 10 (dez) anos em atividades técnicas relacionada à grandes máquinas, sendo no mínimo 3 anos em acompanhamento de testes de performance.

Técnico Mecânico
- Mínimo de 10 anos em atividades técnicas relacionadas a grandes máquinas, sendo no mínimo 5 anos em acompanhamento de testes de performance.

ROTODINÂMICA E VIBRAÇÃO (RV)
Engenheiro Mecânico ou Técnico Mecânico:
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Mecânica, sendo no mínimo 3 anos em acompanhamento de testes mecânicos e Análises em Rotodinâmica.

Técnico Mecânico
- Mínimo de 10 anos em atividades técnicas relacionadas à grandes máquinas, sendo no mínimo 5 anos em acompanhamento de testes mecânicos e Análises em Rotodinâmica.

ELÉTRICA E INSTRUMENTAÇÃO (EI)
Engenheiro Elétrico e/ou Eletrônico

Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Elétrica e/ou Instrumentação, sendo no mínimo 3 anos em acompanhamento de testes de Motores Elétricos e Painéis, e Classificação de Áreas para Atmosferas Explosivas.

Técnico Elétrico e/ou Eletrônico
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Elétrica e/ou Instrumentação, sendo no mínimo 5 anos em acompanhamento de testes de Motores Elétricos e Painéis, e Classificação de Áreas para Atmosferas Explosivas.

TODAS AS FUNÇÕES ACIMA NECESSITAM DE:
- Conhecimento de Normas Internacionais (API, ASME, ASTM, etc); conhecimento em Normas Petrobrás; conhecimento em avaliação de documentações ligadas à inspeção, como procedimentos de testes e PIT (Plano de Inspeções de Teste); e noções básicas de software (Word, Excel, Power Point, Access e Adobe)

SOLDAGEM, ENSAIOS NÃO-DESTRUTIVOS (END) E PINTURA (SENDP) Engenheiro Metalúrgico
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Soldagem, END e Pintura, sendo no mínimo 3 anos em Execução e Avaliação da Soldagem (todos os processos) e de END (LP, PM, US e RX).

Técnico
Metalúrgico, ou Inspetor de Solda Nível I ou II ou Inspetor de END Nível I, II ou III,
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Soldagem, END e Pintura, sendo no mínimo 5 anos em Execução e Avaliação da Soldagem (todos os processos) e de END (LP, PM, US e RX).

AMBAS AS FUNÇÕES ACIMA REQUEREM:- Conhecimento de Normas Internacionais (API, ASME, ASTM, etc); conhecimento em Normas Petrobras; conhecimento em avaliação de documentações ligadas a inspeção, como eps, rqps,ieis, procedimentos de END, procedimentos de pintura e procedimentos de testes e PIT (Plano de Inspeções de Teste).

CALDEIRARIA (CAD) *1 VAGA TAMBÉM PARA SP
Engenheiro Mecânico ou Metalúrgico
- Mínimo de 10 anos de experiência com Equipamentos de Caldeiraria e na Área de Soldagem, Sendo no mínimo 3 anos em trabalhos com Vasos de Pressão, Torres, Permutadores, Caldeiras, entre outros equipamentos de Caldeiraria além de Metalurgia de Materiais e da Soldagem.

Técnico Mecânico ou Metalúrgico
- Mínimo de 10 anos de experiência com Equipamentos de Caldeiraria e na Área de Soldagem, Sendo no mínimo 5 anos em trabalhos com Vasos de Pressão, Torres, Permutadores, Caldeiras, entre outros equipamentos de Caldeiraria além de Metalurgia de Materiais e da Soldagem. AMBAS AS FUNÇÕES ACIMA REQUEREM:- Conhecimento ASME VIII div. 1 e 2;
ASME IX; Normas Petrobras (N-133, N-268, N-466, N-1593, N-1596, N-1598);
-Ensaios Não Destrutivos ? END (LP, PM, US e RX).


TUBULAÇÃO (TUB)
Engenheiro Mecânico ou Metalúrgico
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Tubulação Industrial conforme ANSI B31.3 e Metalurgia de Material e da Soldagem, sendo no mínimo 3 anos em trabalhos com fabricação e montagem de tubulação industrial conforme ANSI B31.3 e Aplicação de normas internacionais (ASME, ASTM, ANSI, NACE).

Técnico Mecânico ou Metalúrgico
- Mínimo de 10 anos
de experiência com Equipamentos de Caldeiraria e na Área de Soldagem, sendo no mínimo 5 anos em trabalhos com Vasos de Pressão, Torres, Permutadores, Caldeiras, entre outros equipamentos de Caldeiraria além de Metalurgia de Materiais e da Soldagem.


AS FUNÇÕES ACIMA NECESSITAM DE:- Conhecimento de - ASME VIII, ASME IX, Normas Petrobras (N-133, N-115, N-1593, N-1594, N-1596, N-1598); Ensaios Não Destrutivos ? END (LP, PM, US e RX).

ÊNFASE EM UMBILICAIS E LINHAS FLEXÍVEIS (ULF)
Engenheiro Mecânico, Metalúrgico, Mecatrônico ou Eletro-Mecânico - Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Umbilicais e Linhas Flexíveis, sendo no mínimo 5 anos em trabalhos com Projeto, Montagem e instalação de Umbilical Eletro-Hidráulico e Linhas Flexíveis.

Técnico Mecânico, Metalúrgico, Mecatrônico ou Eletro-Mecânico
- Mínimo de 15 anos de experiência na Área de Umbilicais e Linhas Flexíveis, sendo no mínimo 7 anos em trabalhos com Projeto, Montagem e instalação de Umbilical Eletro-Hidráulico e Linhas Flexíveis.

AS FUNÇÕES ACIMA NECESSITAM DE:Conhecimentos: Projetos de Engenharia em linhas Flexíveis e Umbilicias (carcaças), Montagem em fábrica, testes de aceitação em fábrica, acompanhamento no lançamento de linhas flexíveis e Umbilicais, montagem em fábrica, Inspeção em gainage externa.


SISTEMA DE CONTROLE E PROTEÇÃO SUBMARINA (SCPS)
Engenheiro Mecânico, Metalúrgico ou Eletro-Mecânico.
- Mínimo de 10 anos de experiência com Equipamentos de Sistema de Controle e Proteção Submarina, sendo no mínimo 5 anos em trabalhos com sistemas de controle eletro-hidráulico multiplexado.

Técnico Mecânico, Metalúrgico ou Eletro-Mecânico
- Mínimo de 15 anos de experiência com Equipamentos de Sistema de Controle e Proteção Submarina, sendo no mínimo 7 anos em trabalhos com sistemas de controle eletro-hidráulico multiplexado.

AS FUNÇÕES ACIMA NECESSITAM DE:Conhecimentos: - Projeto de válvulas solenóides;
- Montagem e testes de sistemas de controle; Montagem e testes em jumper de potência;
- Testes de comunicação eletro-hidráulica através de steps, com pulsos em miliamperes.


EQUIPAMENTOS DE PRODUÇÃO E PROSPECÇÃO (EPP)
Engenheiro Mecânico ou Metalúrgico.
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Produção e Prospecção, sendo no mínimo 5 anos em trabalhos com equipamentos, tais como: Árvore de Natal Molhada (ANM), Manifold Submarino, PLET (Pipe Line End Termination), PLEM (Pipe Line End Manifold), Rise de complementação e de produção, Válvulas submarinas e equipamentos de Bombeio Centrífugo Submerso Submarino (BCSS) .

Técnico Mecânico ou Metalúrgico
- Mínimo de 15 anos de experiência na Área de Produção e Prospecção, sendo no mínimo 7 anos em trabalhos com equipamentos, tais como: Árvore de Natal Molhada, Manifold Submarino, PLET (Pipe Line End Termination), PLEM (Pipe Line End Manifold), Rise de complementação e de produção, Válvulas submarinas e equipamentos de Bombeio Centrífugo Submerso Submarino..

AMBAS AS FUNÇÕES ACIMA REQUEREM:Conhecimentos de Projetos de ANM´s e Manifolds; Montagem e testes de ANM´s e Manifolds; Montagem e testes de riser, qualificação em conectores hidráulicos, qualificação de swiveis submarinos; acompanhamento no lançamento e instalação de ANM´s, PLET´s e Manifolds.

EQUIPAMENTOS ?TOP SIDE? (PERFURAÇÃO)
Engenheiro Mecânico, Elétrico, Metalúrgico ou Mecatrônico,
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Perfuração com equipamentos Top Side, sendo no mínimo 5 anos atuando em sondas.

Técnico Mecânico, Elétrico, Metalúrgico ou Mecatrônico
- Mínimo de 15 anos de experiência na Área de Perfuração com equipamentos Top Side. Sendo: no mínimo 7 anos atuando em sondas.

AS FUNÇÕES ACIMA NECESSITAM TAMBÉM DE:Conhecimentos de Montagem e testes em Choke Manifold; Inspeção e testes em Mesa Rotativa; Inspeção e testes em Top-Drive; Inspeção em Chave Flutuante, Drill Colar e Tubos de Produção; Inspeção e testes em Bomba de Lama.


VÁLVULAS INDUSTRIAIS E SUBMARINAS (VIS) *1 VAGA TAMBÉM PARA SP
Engenheiro (Qualquer habilitação)
- Mínimo de 3 anos de experiência na Área de Válvulas Industriais e Submarinas atuando em inspeções de fabricação e qualificação de válvulas submarinas e industriais e outra atividade

Outros
Profissionais com notório saber
- Mínimo de 10 anos de experiência na Área de Válvulas Industriais e Submarinas, sendo no mínimo 7 anos atuando em inspeções de fabricação e qualificação de válvulas submarinas e industriais.

AS FUNÇÕES ACIMA NECESSITAM DE:Conhecimentos de Normas construtivas e de testes de Válvulas (API 6A, API 17D, API 6D, API 598, ASME B16.34, entre outras); Ensaios Não Destrutivos ? END (LP, PM, US e RX); Conhecimentos de inspeção de Soldagem e Pintura; Sistema de Gestão da Qualidade (ISO 9001:2008).


INSTRUMENTAÇÃO E AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL (IAI) *1 VAGA TAMBÉM PARA SP
Técnico em Eletrônica com ênfase em Instrumentação / Automação
- Mínimo de 3 anos de experiência na Área de Inspeção de Fabricação e em qualquer outra atividade

Necessário conhecimentos como Inspetor de Equipamentos, com apresentação de certificado; Inspeção de fabricação ? equipamentos onshore e offshore. Gestão da Qualidade, sistemas de Ccntrole de Realização de Contratos.

Todos os profissionais deverão ter conhecimento de microinformática, tais como: editores de texto, planilhas de cálculos.

Os interessados que estejam dentro do perfil indicado, deverão enviar Currículo para
mencionando no assunto a sigla ao lado da área de Interesse ex.: ?EPP? ou ?ULF?.
_ _ _
até breve