quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Gentileza gera gentileza...


Assim dizia o poeta!!!


Uma pessoa próxima acaba de me contar que foi vilipendiada por sua chefatura.

Aí eu pergunto: desde quando a ocupação de cargos públicos, temporários, digamos de passagem, dá o direito àquele que assume o mesmo, de ser autoritário, boçal, apedeuta, xucro... com os seus subordinados?!?!?!

Claro que para ocuparmos cargos de comando temos que ter pulso forte, temos que trabalhar, muitas vezes, com a razão, esquecendo um pouco a emoção.

Administrando uma equipe, temos que honrar a posição que passamos a ocupar, uma vez que quem nos deu tal possibilidade, o fez querendo resultados, e tais resultados só virão se o cabeça deste grupo condizer com as expectativas.

Muitas vezes temos que ser enérgicos, vivaz, caloroso, e até drástico, mas nunca alimária.

Cargos de chefia são temporários, uma vez que o subordinado de hoje pode ser o chefe de amanhã, e vice-versa... ainda mais em se tratando de cargos públicos!
Tratem aos outros como você gostaria de ser tratado, pois gentileza gera gentileza!

Como diz a música Engenho de Dentro de Jorge Bem Jor: "prudência e ... canja de galinha não faz mal a ninguém"

até breve

Um comentário:

Rosângela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.